Núcleo Colonial Monção

Servidore do Incra trabalham há alguns anos na tentativa de retomada das terras públicas da União ocupadas irregularmente na região de Iaras. Mas a existência do Núcleo Colonial Monção só ganhou as páginas dos jornais pela via tortuosa da criminalização dos movimentos sociais, após a destruição de pés de laranja da Cutrale.

Pouco se falou sobre a origem dessas terras, que remonta há exatos 100 anos. O Governo Federal rapidamente criticou a ação do MST, mas não disse uma palavra sobre a ocupação irregular de áreas públicas por grandes empresas, como a Cutrale.

O assunto continua tendo desdobramentos na grande imprensa. Neste momento em que o foco se volta para a região de Iaras, a ASSINCRA/SP publica aqui um breve histórico do Núcleo Colonial Monção.

Ressaltamos a importância do trabalho dos servidores que se dedicam a desatar esse emaranhado de nós jurídicos em benefício da reforma agrária e da valorização do patrimônio público.

Clique aqui para ler o texto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s